9 de maio de 2011

Filarmônica Bachiana se apresenta no interior de São Paulo

Fotos: divulgação

A Filarmônica em ação

A Filarmônica em ação

Dando sequência aos Concertos dos 60 anos da Duratex, a Filarmônica Bachiana, sob regência do maestro João Carlos Martins, fará dois concertos no dia 13 de maio, em Lençóis Paulista (SP), e um concerto no dia 14 de maio, em Agudos (SP). A entrada é livre, e o projeto, amparado pela Lei Rouanet.

Os dois concertos em Lençóis Paulista serão no Clube Marimbondo, sendo o primeiro às 19h, e o segundo, às 20h30. O concerto em Agudos será na Praça Tiradentes, às 19h30.

Será a primeira vez como regente que o maestro João Carlos Martins visitará essas duas cidades, situadas no interior do estado de São Paulo.

Maestro João Carlos Martins
O maestro João Carlos Martins se eleva a um patamar raramente alcançado por outros músicos brasileiros, no século XX. Considerado um dos maiores intérpretes de Johann Sebastian Bach, teve, como um dos pontos altos de sua carreira, a gravação da obra completa para teclado desse gênio da música. Logo após, devido a problemas físicos, teve que abandonar a carreira de pianista, canalizando para a regência sua paixão pela música.

O maestro João Carlos Martins

O maestro João Carlos Martins

Filarmônica Bachiana SESI SP
A qualidade dos músicos da Filarmônica Bachiana, selecionados entre as melhores orquestras brasileiras, tem sido elogiada mundo afora. São profissionais que fazem questão de aprimorar seu talento com trabalho e estudo. Por isso, a orquestra, fundada em 2004, não tardou a ganhar o merecido reconhecimento. Após quatro temporadas em que se apresentou pelo Brasil, encantou o público americano com quatro atuações de gala, sendo duas no Carnegie Hall, em 2007 e 2008, e duas no Lincoln Center, em 2009 e 2010, em Nova Iorque.

O maestro rege a orquestra

O maestro rege a orquestra

Aquarela São Paulo

Aquarela é a coluna social paulista que nasceu em 1982, sendo publicada no jornal GAZETA, segundo caderno do jornal Gazeta Esportiva de São Paulo. Aquarela também expandiu-se como Prêmio Aquarela e é entregue a personalidades paulistanas e paulistas, artistas, empresários, sempre evidenciados ou apresentados por colunistas sociais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *