12 / 08 / 21

Empresária revela a fórmula do sucesso na vida pessoal e nos negócios em entrevista exclusiva

Exclusivo

 

Imagem/divulgação Empresária revela a fórmula do sucesso na vida pessoal e nos negócios em entrevista exclusiva

   Clarissa Delpupo é empresária e formada em Administração de empresas.

  Como ser mãe, esposa, empresária e ainda manter a forma física? Foi buscando respostas para estas perguntas que eu entrevistei, com exclusividade, a empresária, Clarissa Delpupo.  Para mais informações visite o Instagram da minha entrevistada. Aqui.

 

Como foi a sua infância?

   Clarissa Delpupo –   Costumo dizer que fui uma criança muito desejada, pois sou filha da sexta gravidez da minha mãe, após ela ter tido cinco abortos. Me considero Paraense de coração porque fui criada no Pará.  Tive uma infância bem tranquila e muito feliz. Uma criança criada em berço de ouro, mas não necessariamente de riqueza financeira, mas de riqueza na educação.

  – Morei em Belém até os meus 9 anos de idade. Depois fui para Paragominas onde passei a minha infância. Minha mãe é de família mineira e meu pai é de família paraense.

Como você começou a sua vida como empreendedora?

  Clarissa Delpupo – Comecei a minha vida como empreendedora trabalhando nos negócios da minha família. Meus avós foram pessoas sempre ligadas à negócios, e por consequência meus pais e por isso eu desde pequena já acompanhava minha mãe nas suas empresas. Minha mãe, nesse tempo, tinha loja de departamentos e supermercado.

 – Quando cheguei na fase da escolha da minha profissão, optei por cursar Administração de empresas, que já estava no meu sangue. Sempre gostei muito de empreender e buscar soluções diferenciadas para as empresas.

 –  Nessa época também eu, minha mãe e meu irmão tínhamos como negócio um Hotel, um empreendimento inovador, o primeiro hotel da nossa cidade que existe até hoje, como pioneiro e moderno.

Como foi a sua transição de vida ao sair do Brasil para tocar seus negócios no Estados Unidos e ao mesmo tempo no Brasil?

  Clarissa Delpupo –   Quando resolvemos nos mudar de país a nossa transição para os Estados Unidos foi muito bem resolvida e planejada. Nós organizamos tudo primeiro antes de mudar definitivamente para cá. Os nossos negócios que estão lá, continuam em plena expansão, e administramos à distância, e os projetos ligados à minha família ficaram sob os cuidados da minha mãe e do meu irmão que moram no Brasil.  E quanto às empresas aqui na América, acabamos tocando mais de perto.

Quais são os segmentos nos quais você empreende enquanto empresária?

  Clarissa Delpupo – Aqui, nos Estados Unidos, criei a minha marca de acessórios de (semi joias), LeCla Jewelry ,onde estou a frente desde a criação, do design das peças e o acompanhamento de toda a comercialização,  além disso sou sócia do meu marido nas empresas voltadas, em sua maioria, para o mercado imobiliário. Um de nossos negócios mais recentes é uma loja de móveis planejados   a APPENIN CABINETS LAKE NONA .

Como é ser mãe, empresária e manter a forma física?

     Clarissa Delpupo – É não querer dar conta de tudo ao mesmo tempo. Isso permite, a meu ver, que consigamos o equilíbrio necessário, para ter coisas tão maravilhosas na vida e exercer o importante papel de ser mãe, sem deixar de cuidar do corpo e da mente, dentre outras coisas…

   – Vale frisar, que aqui nos Estados Unidos, ao contrário do Brasil, não há a cultura de se ter empregados. Logo, sou mãe, esposa, dona de casa, empresária e também a mulher Clarissa!

Qual a fórmula para ser bem-sucedida nos negócios, sem deixar de cuidar da família e de manter a saúde?

  Clarissa Delpupo – Acredito que são prioridades que estabelecemos. A pessoa tem que se priorizar porque se você está bem, tudo a sua volta fica bem. Penso que, a mulher é o termômetro da família, quando estamos bem a nossa família sente essa segurança e confiança em nós.

 – Um detalhe bem interessante que costumo comentar, é que aqui em casa todos respeitam o “meu tempo”, ou seja, faço algumas atividades para mim, para que eu me realize e cuide da minha saúde e do meu corpo e por consequência consiga dedicar, com mais qualidade, o meu tempo aos afazeres da casa, do trabalho, do meu marido e dos meus filhos e isso, é bem resolvido pra nós, traz a cumplicidade dentro de casa e também a minha realização pessoal.

Qual o conselho que você daria as mulheres que buscam estes três pilares na vida, sucesso nos negócios e na família e corpo em forma?

   Clarissa Delpupo – O conselho que eu daria é o de que a mulher se priorize, se valorize porque, para você cuidar do outro, via de regra, é necessário que você esteja bem e feliz.

Uma dificuldade da mulher de negócios é ser mãe, cuidar do trabalho e cuidar do corpo ao mesmo tempo. Qual o seu conselho?

  Clarissa Delpupo – Na minha concepção, é importante que não haja uma cobrança acima do normal, já que, não há como darmos conta de tudo, sempre! Deve existir uma cumplicidade, e um cuidado que parta de dentro de nós para os demais membros da família. Hoje posso dizer que consigo passar essa ajuda e esse autocuidado para os meus amigos próximos e até para os meus seguidores do Instagram porque passei a enxergar a vida com outro olhar, o do amor-próprio e o da paz interior.

Instagramjoaocostaooficial

 

João Costa

Jornalista, articulista e Influencer do Instituto Palavra Aberta, articulista do Observatório da Comunicação Institucional (O.C.I) e Membro da API (Associação Paulista de Imprensa). Prêmio Ibero – Americano de Jornalismo de 2019/20, Referência em Comunicação pela Agência Nacional de Cultura, Empreendedorismo e Comunicação – ANCEC, reconhecimento por Direitos Humanos e Menção honrosa do Lions Clube Internacional - Rio do janeiro. Colunista, Blogueiro e Comunicador. Colunista de diversos veículos em todo o Brasil. Foi colunista da "Rede de Escritores de Língua Castelhana", e do Diário de notícias: Vila Nova Familicao em Braga - Portugal. Possuí sólidos conhecimentos na produção, revisão e edição de textos, ativista dos direitos humanos, estudioso sobre afrodescendência, e combativo à desigualdade social. Participação em eventos da embaixada do Gabão no Brasil, tendo inclusive sido intérprete de discurso a convite do Embaixador do Gabão no Brasil, em jantar beneficente, com a presença do Vice-presidente da república federativa do Brasil. Participação em workshops, webinars, congressos e conferências.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *