04 / 02 / 22

O papel das mulheres na Tecnologia da Informação e a realidade em nosso Estado

 

MULHERES X MERCADO DE TI

Uma pesquisa da Women in Tech, do Reino Unido, aponta que apenas um em cada seis especialistas em tecnologia no País são mulheres e um em cada dez está em cargos de liderança em TI. No Brasil, segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD), apenas 20% dos profissionais de TI representam a participação feminina.

Para debater sobre o papel das mulheres na Tecnologia da Informação e a realidade em nosso Estado, a Faculdade Estácio reuniu mulheres empoderadas e engajadas na área de TI e realiza, na próxima quarta-feira (09/02), a partir de 19h, um evento  online e gratuito, com profissionais com atuação destacada na área.

As inscrições  podem ser feitas no site: https://doity.com.br/mulheres-na-ti

Segundo as ONU e a Unesco, a igualdade de gênero é uma das prioridades para os próximos anos. Os efeitos da pandemia, em que muitas mulheres tiveram que se dividir em tarefas domésticas, trabalho em casa e criação de filhos em tempo integral, acenderam um sinal de alerta para as conquistas das mulheres.

Podemos destacar também a Agenda Educação 2030, que se refere ao compromisso do movimento Educação para Todos (Education for All) em garantir o acesso à educação básica em todo o mundo. Esse movimento reforça o fato de que a igualdade de gênero exige que meninas e meninos, mulheres e homens sejam empoderados na educação e por meio dela, ao mesmo tempo em que têm pleno acesso aos ciclos completos de ensino. Quando se trata de tecnologia, esse tópico é essencial, pois as meninas são menos incentivadas a estudar a computação e seguir essa carreira, em comparação com os meninos.

O papel das mulheres na Tecnologia da Informação e a realidade em nosso Estado

PALESTRANTES:

FABIANA TOLEDO
Mestrado em Modelagem Computacional do Conhecimento, MBA em Gestão da Mudança, Especialização em Engenharia de Software, Especialização em Tecnologia da Informação e graduação em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Alagoas. Professora da Faculdade Estácio. Consultora atuante nas áreas de Gestão da Inovação, Administração Pública, Ciência de Dados, Captação de recursos em editais governamentais, Ideação e Gestão de Projetos Inovadores/Tecnológicos. Possui projetos premiados/reconhecidos nacional/internacionalmente: em 2007 obteve o 3º lugar nacional no Desafio Empreendedor Telefônica com o projeto Raio X-TV; em 2008 conquistou o 1º lugar no Prêmio Santander de Empreendedorismo das Regiões Norte, Nordeste, Centro-Oeste e Distrito Federal, com o projeto T-Curso; ambos os projetos de softwares para TV Digital. Em 2009, com o projeto “Reciclagem de Software”, foi aprovada no PRIME, programa criado pela FINEP para apoiar projetos inovadores no Brasil. Em 2012, com o projeto “Televisão Digital Assistiva e Interativa”, ficou entre os 12 finalistas no concurso Internacional de Inovação Aberta, o Piensa En Innovar, promovido pela empresa Espanhola INDRA. Em 2013 recebeu o Prêmio Expressão Alagoana das mãos do Governador do Estado de Alagoas em reconhecimento ao espírito desafiador e comprometimento profissional, por projetar o Estado de Alagoas além-fronteiras na área de Tecnologia da Informação e Comunicação. Em 2019 recebeu Prêmio Selma Bandeira da Prefeitura Municipal de Maceió em reconhecimento a relevante atuação profissional e social como gestora pública em tecnologia, inovação e gestão previdenciária no Município de Maceió. Foi Diretora-Presidente do IPREV-Maceió por 06 anos (2014 a 2020).

RAQUEL CABRAL
Possui doutorado em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal de Minas Gerais (2013), mestrado em Modelagem Computacional do Conhecimento pela Universidade Federal de Alagoas (2006) e graduação em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Alagoas (2002). Atualmente é professora da Universidade Federal de Alagoas/Campus Arapiraca. Tem experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Otimização, Redes Complexas e Simulação Computacional.

EUNICE PALMEIRA
Doutorado em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Pernambuco (2017), mestrado em Modelagem Computacional de Conhecimento pela Universidade Federal de Alagoas (2006) e graduação em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Alagoas (2002). É professora efetiva do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico (EBTT) do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Alagoas (IFAL), campus Maceió. Atualmente exerce a função de Pró-reitora de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do IFAL. Tem experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Sistemas de Informação, Gerenciamento de Projetos com Equipes Distribuídas Geograficamente e Ontologias. Áreas de interesse são: Gestão de Equipes Distribuídas, Método de Conexões, Raciocínio Automático e Lógica de Descrições

ELIANA ALMEIDA
Professora Titular da Universidade Federal de Alagoas (UFAL), possui graduação em Engenharia Civil pela UFAL (1986), mestrado em Engenharia de Sistemas e Computação pela COPPE-SISTEMAS/UFRJ (1991), doutorado em Informática pela PUC-Rio (1998) e Pós-doutorado na Universidade de Calgary, no Canadá (2014-2015). Lotada na Faculdade de Medicina da UFAL (FAMED), é pesquisadora do Laboratório de Computação Científica e Análise Numérica, (LaCCAN/UFAL) e do Instituto de Habilidades Multidisciplinar em Microbiota Intestinal da FAMED (InHaMMI/FAMED). É associada da Sociedade Brasileira de Computação (SBC) e da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). Atua na área de Ciência da Computação, com interesse no estudo e análise de imagens médicas, bem como na área ciência de dados. Após sua passagem por 4 anos na coordenação de inovação e empreendedorismo da UFAL e seu ingresso como docente no mestrado profissional PROFNIT, também tem interesse na área de gestão da inovação e da propriedade intelectual para transferência de tecnologia.

FABIANE QUEIROZ
É graduada em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Alagoas (UFAL), possui mestrado pela universidade Federal de Pernambuco (UFPE) na área de Computação Gráfica – com ênfase em Síntese de Textura de Modelos Procedurais, e possui doutorado também pela UFPE, na área de Visão Computacional – com ênfase em Restauração de Imagens Médicas. Atualmente, é professora Adjunta da UFAL. Possui experiência na área de Computação Gráfica e Processamento de Imagens, com grande interesse pelas áreas de Visão Computacional, mais especificamente, Restauração de Imagens e Detecção/Segmentação de objetos em imagens.

ANGELA PEREZ
Professora  e analista de Sistemas na Uncisal (Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas, possui graduação em tecnólogo em processamento de dados pela PUC/RJ (1989), pós graduação em Gestão Estratégica de Informática pela UFRJ (1999) e pós graduação em Análise, Desenvolvimento e Gerência de Projetos pela PUC/RJ (1999), mestrado em Modelagem Computacional do Conhecimento UFAL (2009) e doutorado em Ciência da Computação na UFPE (2016). Atua na Área de Desenvolvimento, Manutenção, Suporte, Gestão e Capacitação em Projetos de TI desde 1988 com projetos implantados na Shell, Esso, Nokia, Atlas Schindler, Petrobrás e TIM. Na docência, tem se dedicado à formação em Pesquisa em Saúde. Atua na formação de docentes em Tecnologia da Informação para Educação em diferentes modalidades. Realiza pesquisas na integração do Design com Métodos de Desenvolvimento de Sistemas.

O papel das mulheres na Tecnologia da Informação e a realidade em nosso Estado
fonte: Midia Nova Assessoria de Imprensa

Renata Pais | Victor Freitas

 

 

 

Gigi Accioly

Holofote @gigiaccioly - Jornalista (MTB 1468AL), colunista social do Jornal Primeira Edição (impresso/online), editora-chefe e colunista da Revista Evidência Cosmopolita (AL), Colunista da revista evidencia.com (EVDCIA on line); ex-apresentadora de TV, "Programa Gente em Evidência" exibido pela TV EVDCIA, TV Alagoas (SBT) e TV Mar; publicitária. Membro da ALANE/AL - Academia de Letras e Artes do Nordeste Brasileiro (Núcleo Alagoas); Comendadora (Comenda Professor Doutor Sebastião Palmeira (instituída pela Academia Maceioense de Letras). Diretora de planejamento da Tehron - Núcleo de Comunicação; assessora de imprensa e marketing, cerimonialista e mestre de cerimônias. Diretora de comunicação social da Soamar/AL. - Sociedade Amigos da Marinha de Alagoas; Diretora Regional em Alagoas da MBA - Mídia Brasil Associados; associada à FEBRACOS – Federação Brasileira de Colunistas Sociais. Colunista do extinto portal Ciro Batelli – Unique Style (SP e Las Vegas).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *