Close

Crônica

O TEMPO, SEMPRE O SENHOR DO DESTINO por Jeff Severino

Quanto mais velhos, ou melhor, quanto mais vividos, mais tolerantes, mais pacientes, mas calmos a vida nos torna. Pelo menos deveria ser assim. Deveríamos pelo menos rir dos nossos próprios erros e evoluirmos através deles. A vida bem vivida de fato nos ensina quando nos humilha, nos derruba, nos levanta e, a medida que vamos caindo e levantando, percebemos o quão é absurdo o tempo que perdemos ou estamos perdendo em coisas, situações, empregos, amores, … que não valem a pena.

“A VIDA É CURTA” NÃO É APENAS UM CLICHÊ ! – por Jeff Severino

Ha algum tempo fui em um enterro de um amigo meu de profissão. Não gosto de ir em enterros. mas era uma amigo de se encontrar uma vez por semana. Tenho um grupo de amigos de profissão (jornalistas) que sempre marcamos de no mínimo de 15 em quinze dias nos encontrarmos para colocar a pauta em dia. Mas quando olhei para baixo em seu caixão, tudo que eu conseguia pensar era: “Eu sempre soube que gostava desse sujeito, por sorte eu sabia disso antes dele desencarnar.

​UMA HISTÓRIA RÁPIDA SOBRE A VIDA por Jeff Severino

Ouço muita gente reclamando da vida, do que fez mas, principalmente do que deixou de fazer. ​ ​É triste olhar para tr​á​s e perceber que não se fez nada, não saiu da sua zona de conforto, não tomou atitudes diante da sua própria realidade. Ficou ali no seu​ ​mundo criticando quem ousa mudar. Tem gente pior do que ​aqueles que nos tiram os sonhos?

@revistaevidenciabrasil

[jr_instagram id="5"]